05/jul/2017

Finep abre escritório no Ceará e estimula tecnologia e inovação no Nordeste

 

O superintendente da Fundação Cultural e de Fomento à Pesquisa, Ensino, Extensão e Inovação (Fadex), Prof. Dr. Lívio Nunes, participou, nos dias 03 e 04 de julho, do Encontro Finep para Inovação, realizado em Fortaleza.

A Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) é a empresa pública brasileira que cuida do fomento à ciência, tecnologia e inovação em empresas, universidade, institutos tecnológicos e outras instituições públicas ou privadas. Atualmente sediada no Rio de Janeiro e com escritório bastante ativo em São Paulo, a empresa está ampliando sua atuação fora do eixo Sul e Sudeste e deverá em breve instalar um escritório no Nordeste, com sede em Fortaleza.

Durante o Encontro, o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Gilberto Kassab, anunciou que a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) vai conceder até R$ 1 bilhão para projetos privados – sejam de startups, pequenas, médias ou grandes empresas – de inovação desenvolvidos na região Nordeste. O financiamento é reembolsável e pode se estender por até 12 anos.

De acordo com o superintendente da Fadex, essa descentralização da Finep visa atender de forma mais ampla o restante do território nacional. “A Finep compreende a necessidade de ter um projeto de regionalização das suas atividades, a fim de atender com a mesma eficácia regiões que possuem grandes talentos mas que, por alguma razão, acabam não se beneficiando dessas linhas de financiamento”, destacou o gestor da Fadex.

Livio Nunes frisou que a Fadex já executa um trabalho muito bem articulado entre academia e setores que demandam essa inovação tecnológica. “No âmbito estadual, a Fadex já é reconhecida como fundação de forte fomento à pesquisa cientifica atrelada à inovação. Acreditamos que este é o caminho para o desenvolvimento e progresso econômico, por isso estamos aqui conhecendo as linhas de financiamento da Finep”, salientou o superintendente.

O presidente da Finep, Marcos Cintra, ressaltou que trazer um escritório para o Nordeste faz parte de uma “política de regionalização” pela qual o órgão vem passando. “Hoje, 70% das nossas operações estão concentradas em São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina e Rio Grande do Sul e as demais regiões ficavam sub-representadas”, declarou Cintra.

Oportunidade

Em Fortaleza, a Finep apresentou as oportunidades que oferece para financiamento de empresas. Dentre elas, o primeiro edital do Finep Startup. O programa pretende alavancar empresas que estejam em fase final de desenvolvimento do produto, para colocar no mercado, ou que precisem ganhar escala de produção. São R$ 50 milhões destinados a este edital.

Crédito

Empreendedores já podem solicitar o crédito junto à Finep. As taxas do financiamento são baseadas na Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP), hoje em 7,5% ao ano. Alguns projetos podem obter condições de pagamento mais facilitadas. A carência pode ter prazo de até 48 meses, e, em alguns casos, até 10 ou 12 anos.

Editais abertos

Segundo informou o Prof. Dr. Lívio Nunes, além da Finep, outro grande agente financiador de projetos, o Banco do Nordeste lançou, com recursos do Fundo de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Fundeci), dois editais para fomentar projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação (PD&I) por meio da concessão de subvenção econômica e produtividade e competitividade.

“Os projetos a serem apresentados deverão ter como finalidade a criação ou o desenvolvimento de novos produtos, serviços ou processos e/ou a agregação de novas funcionalidades a produtos, serviços ou processos já existentes, que possam proporcionar ganho de qualidade às empresas e impacto positivo na sociedade”, frisou o superintendente da Fadex, acrescentando que os projetos poderão contemplar qualquer setor de atividade produtiva, seja rural (pecuária, agrícola), industrial, de tecnologia da informação e comunicação (TIC), comércio, serviços, meio ambiente, infraestrutura, administração, marketing, entre outros.

Share on Facebook0